Crise

Por causa dos ilusionistas é que hoje em dia muita gente acredita que poesia é truque...

Mario Quintana - Sapato Florido, 1948.

segunda-feira, 5 de março de 2012

GESTOS

(Tela de Pablo Picasso)

O gesto correto
avista mais longe,
aprofunda emoções.

O gesto correto
avisa o que tange
alarde sobre multidões.

O gesto correto
arrisca e referenda
oferta dos corações.

O gesto correto
aplaude o que lança
música sobre estações.

O gesto correto,
carrega os amantes
para farra das emoções.


Jairo De Britto, em “Dunas de Marfim”

Um comentário:

  1. Amiga Adriana Leal eu adorei o Blog....Parabéns ao seu amigo Jairo de Britto.

    ResponderExcluir